Trip Tips: Santiago Fashion!

Depois do guia geral sobre Santiago, vamos para a parte que mais gostamos das viagens: compras e moda! O passeio que eu mais gostei, de longe, foi o Museu de La Moda. O museu é considerado um dos maiores do mundo e para quem é apaixonada pelo assunto como eu, é emocionante ver roupas recebendo tratamento de museu.

Plantação de carros!

O local é a antiga casa de uma família (rica, obviamente! rs) que foi transformado em museu, usando o acervo da própria família. Na entrada, uma “plantação” de carros recepciona os visitantes. Não me perguntem o que uma coisa tem a ver com a outra, mas é bem interessante! rs

Carro do filme “De volta para o futuro”!

Quando fui estava tendo uma exposição sobre os anos 80, com direito ao carro do filme “De volta para o futuro” e roupas usadas por Michael Jackson e Madonna! Muitas revistas da década e até alguns objetos completavam a exposição temporária. A parte das roupas em si foi emocionante: pude ver peças de Vivienne Westwood, Paul Smith e vários outros estilistas.

Coleção Outono/Inverno 83/84 de Vivienne Westwood com desenhos de Kaith Haring / T-shirt usada por Michael Jackson / Acessórios da Madonna!

Passei em torno de 3 horas por lá, mas isso é por que fique encantada com tudo e não perdi nenhum detalhe. Quem não ficar babando em cima dos vestidos como eu, pode conhecer o museu em torno de uma hora. Ah, não se esqueçam de checar no site do museu os dias e horários de abertura (ele fecha em algumas épocas do ano).

Fantasias super “simples”! rs

Ainda no assunto história da moda, quando estava na cidade o Museu da História Nacional estava com uma pequena exposição sobre um Baile à Fantasia que aconteceu em 1912. O evento, que reuniu a alta sociedade de Santiago, foi recheado de fantasias lindas e poderosas, seis delas expostas e em condições excelentes! Lindo, lindo, lindo! Vale a pena consultar a programação do museu quando for para cidade. Aliás, vale a pena ir ao museu, já que  a exposição permanente é bem interessante também! ;)

Por incrível que pareça, mal fiz compras nessa viagem! Conheci só um shopping da cidade: Parque Arauco, que ficava perto de onde estava hospedada (dava para ir a pé). E ainda conheci mais ou menos, por que ele é enorme e apesar de ter ido lá várias vezes para comer (a praça de alimentação ao ar livre é deliciosa e cheia de opções), não vi todas as lojas. Até tive tempo de ir aos outros shoppings, mas como achei as roupas um pouco cafonas e caras, achei que não valia a pena (como disse no outro post, a piscina era muito tentadora! Rs)… Ah, vale a pena pegar o livrinho de descontos no centro de informações!

Estou obesa na foto, mas juro que é a roupa! =/

Além de me divertir com os Angry Birds (#criancices/ era uma ação da Samsung!), no shopping conheci a Dayaday, uma marca de bolsas e acessórios espanhola, cheia de peças lindas. Comprei uma bolsa (dá para ver aqui!) e uma pulseira. Vale a pena ir até a loja! No Parque Arauco também tem as grandes lojas de departamento do Chile: Paris, Ripley e Falabella. Nem vale a pena ir a todas, os produtos são basicamente os mesmos (e na real, não gostei de nada!). Em dezembro, a H&M ainda não tinha aberto, mas agora aconselho uma visita para quem for lá! A loja fica no shopping Costanera Center, o mais novo da cidade.

As poucas compras que fiz, foi na Rua da Bandera, conhecida como a rua dos brechós de Santiago. Calma; não esperem grifes europeias e brechós incríveis. Muitas das lojas são verdadeiras baciadas que eu nem tive coragem de entrar! Rs No entanto, três delas valem muito a pena: Orange, Nostalgic e Bow!. As três são bem organizadas, com peças separadas por gênero e ocasião. Em nenhuma vi grifes famosas, a maioria das peças não tem marca e quando tem são da Gap, Forever 21… O máximo que achei foi Calvin Klein!

A Orange Blue é a maior delas, enorme mesmo: tem desde roupa de ginástica até bolsas e sapatos. O andar inferior é quase inteiro dedicado às roupas de festa: muito paetê dos anos 80, pirei! Rs Os preços são bem dignos: comprei uma camisa inteira bordada com canutilhos por R$ 50 (é esta aqui!).

A Nostalgic é um rede de brechós (tem várias lojas espalhadas pela cidade), com ar moderninho e peças bem selecionadas. Os preços não são nenhuma pechincha, mas se garimpar dá para achar peças boas por preços bem dignos, inclusive algumas peças que são da marca própria do brechó. Aqui comprei uma jaquetinha CK Jeans e um vestidinho do próprio brechó (este look aqui!), cada um custou em torno de R$ 40. Vale a pena fuçar tudo!

A Bow! é a menor loja das três, mas tem uma seleção muito boa de peças. Adorei a arara de camisas que custavam em torno de R$ 10, pena que a maioria ficou grande em mim! Comprei uma camisa floral e uma jaquetinha com toque oriental.

E aí, o que acharam das dicas de Santiago? Ainda tem mais um post sobre o Chile, desta vez sobre Pucón! ;)

Ingressos para atrações turísticas e museus com desconto e sem fila! Quer ingressos para as principais atrações turísticas e museus com desconto e ainda pulando a fila? É só clicar aqui ou no banner acima! Comprando através do Trend Tips, você tem vantagens e ainda me ajuda a continuar viajando e trazendo dicas incríveis para vocês! ;)

Deixe seu comentário