Tag: América do Norte

Trip Tips: Roteiro 7 dias em NY!

Sempre que vou viajar, monto um roteiro diário com todas as atrações que quero visitar durante a viagem. Só que NY me deu um trabalho absurdo montar esse roteiro: era muita coisa para ver em pouco tempo! Aí que fiquei quase dois meses pesquisando sobre a cidade, vendo tudo o que gostaria de ver e depois tentando organizar todas as informações da melhor maneira possível. Assim, consegui fazer um roteiro 7 dias em NY bem bacana e achei que seria interessante dividí-lo com vocês! ;)

Como NY tem muito o que fazer, montar um mapa no Google Maps com tudo o que eu gostaria de ver me ajudou muito a organizar o roteiro! Com o mapa, conseguia visualizar qual atração estava próxima a outra e assim otimizar o tempo. Durante a viagem esse mapa também foi super útil, já que sempre consultava para ver se tinha algo na região que eu estava que eu tinha esquecido de ver, ou quando estava com fome (#gordinhasafada), consultava para ver qual restaurante que eu tinha marcado estava mais próximo!

Lembrem-se que cada viagem é única e cabe a você pesquisar o que mais te interessa. Eu, que amo moda, dei preferência para alguns passeios com esse tema. Assim, tive que abrir mão de outras coisas que não achei que seria interessante (visitar o local onde ficava o World Trade Center, por exemplo). Não sou uma pessoa baladeira, nem que curte restaurantes elaborados, mas se você curte, basta pesquisar antes de viajar!

Além disso, é importante pesquisar como estará o clima durante sua estadia na cidade. Fui no começo da primavera, mas a temperatura era de inverno ainda, e isso não me permitiu andar muito a pé, na rua. Se você for no verão, vai poder aproveitar os passeios ao ar livre sem congelar! rs

Skyline-NY Outro ponto importante é que roteiros mudam durante a viagem. Atrasos no transporte, você pode se perder em algum ponto, passar mais tempo do que programado em um determinado local… Não importa o motivo, o que importa mesmo é você fazer o que tiver com vontade!

Por exemplo, no dia que tinha me programado para ir ao Brooklin, estava super frio e ventando muito. Acabei preferindo passar mais tempo na FAO (sim, eu amei muito aquela loja! rs) do que me deslocar até a ponte e passar mais frio ainda. Tinha me programado para ir ao Top of The Rock à noite, mas no dia estava chovendo muito e não tinha visibilidade, aí acabei indo na manhã seguinte. São escolhas que fazemos na hora. E né, tudo o que deixamos de fazer acaba sendo um motivo para voltar! ;)

Dito isso, vamos ao roteiro, que tem links para os posts que fiz sobre os passeios:

Dia 1 (quinta-feira)

Dia 2 (sexta-feira)

Guia-NY-Moda Dia 3 (sábado)

roteiro-7-dias-ny Dia 4 (domingo)

  • Manhã/começo de tarde – Passeio de barco (Estátua da Liberdade)
  • Tarde – Columbus Circle + 5th Avenue (Apple Store, The Plaza, Tiffany, FAO Schwarz, Love Sculpture etc)
  • Jantar – Chipotle, fast food mexicano delicioso!!!
  • Noite – mais Times Square (aproveitei que meu hotel era ali perto e vi mais lojas, além do Hard Rock Cafe e Planet Hollywood)

Dia 5 (segunda-feira) 

  • Dia – Outlet Jersey Gardens
  • Noite – Eu fui pro bar (não lembro o nome) comemorar o St. Patricks Day, mas você pode procurar algum lugar bacana para jantar!

Dia 6 (terça-feira)

Friends-SATC-NY Dia 7 (quarta-feira)

  • Manhã – West Village (apartamento de Friends, casa da Carrie Bradshaw do Sex and the City, Magnolia Bakery)
  • Manhã / começo da tarde – Highline Park + Chelsea Market (aproveite para comer algo por lá!)
  • Tarde – MoMA
  • Jantar – Halal Guys (food truck), não é bem um jantar, mas é um clássico e fica pertinho do MoMa!
  • Noite – fui na Washington Square e no Charging Bull, mas chovia muito, nem deu para ver nada direito…
  • Jantar – Shake Shack (na real não achei nada demais, nem recomendaria!)

Rockefeller-Center Dia 8 (quinta-feira)

  • 10h – Check out do hotel
  • Manhã – Top of the Rock + Rockefeller Center + Lego Store + NBC Studio Store (aqui vale uma dica: se você tiver que optar entre Empire State ou Top of The Rock, vá no Top of The Rock. A vista é bem mais bonita!!! Só fui nos dois por conta do NY City Pass).
  • Almoço – Juniors (bem gostosinho também!)
  • Tarde – Times Square (foi quando gravei o vlog!)
  • 16h – Saída de NY =(

Passeios que não consegui fazer:

  • Ground Zero
  • Wall Street
  • Battery Park
  • St. Patrick’s Cathedral (na real eu passei em frente, mas a fachada fava reformando!)
  • Soho (estava frio demais para ficar andando na rua!)
  • Madame Tussauds (museu de cera, já fui no de Amsterdan, por isso passei o de NY)
  • Brooklin Bridge + DUMBO (parque que fica próximo à ponte, falam que é lindo ver o skyline de NY de lá!)
  • bondinho Rossevelt Island (para ver NY de cima usando só seu Metro Card)
  • Comidinhas, food trucks e afins: Little Italy, Gray’s Papaya, Brunch de domingo, Burger Joint, Eataly, Bubba Gump Shrimp Co., Ellen`s Stardust Diner, Le Pain Quotidien.
  • Brechós: Ina e Second Time Around
  • Outlets em Manhattan: Century 21, Nordstrom Rack, Marshalls, T.J. Maxx

Importante dizer que nem de longe isso é um guia definitivo de NY. Tenho certeza que tem muita coisa interessante que não coloquei aqui. Tentei reunir os principais pontos turísticos, para quem, assim como eu, vai visitar a Big Apple pela primeira vez! Espero que seja útil! ;)

Quem aí já foi para NY? Quais outros passeios indicaria? Divide sua com a gente dica nos comentários!

Para ver todos os posts sobre NY, é só clicar aqui.

Ingressos para atrações turísticas e museus com desconto e sem fila! Quer ingressos para as principais atrações turísticas e museus com desconto e ainda pulando a fila? É só clicar aqui ou no banner acima! Comprando através do Trend Tips, você tem vantagens e ainda me ajuda a continuar viajando e trazendo dicas incríveis para vocês! ;)

Trip Tips: Tours em NY!

Ainda sobre minhas últimas férias, hoje é dia de conhecer alguns tours em NY!

NY-free-tour Sempre que viajo para algum lugar, procuro por walking tours, que são tours feitos a pé, geralmente de graça (você paga o que quiser no fim do tour, direto para o guia), com algum tema/bairro específico. Em NY não foi diferente, mas foi bem mais difícil achar Walking Tours de graça, a maioria era pago. Achei a Free Tours by Foot e gostei muito da variedade de tours que eles oferecem. Agendei logo para a primeira noite o Manhattan Night Tour, que passa pelos principais pontos de NY e foi ótimo. Em algumas horas, pudemos ver e saber um pouco mais sobre a cidade, além de ter uma pequena “aula” de como usar o metrô da cidade (é difícil viu! rs). Só não deu para aproveitar mais por conta do frio absurdo que fazia nessa noite… rs Todos os tours dessa empresa tem que ser agendados antes, vale a pena ficar de olho no site!

NY-rooftop-tour Outro tour que valeu muito a pena foi o Rooftop Lounge Experience, da The New York Night Life. Dei sorte de achar uma promoção no Groupon dos EUA e paguei metade do valor, mas no fim das contas acho que vale pagar o valor inteiro (U$ 69). Não conhecia NY e não tinha ideia de onde e como ir para a balada por lá e justamente por isso esse tour foi ótimo! Passamos por 4 rooftops (bares que ficam em cima dos prédios), todos com vistas incríveis. Em cada bar, ganhávamos um drink (imagina se eu não curti essa parte, né? #alcoolismos rs). O tour termina em uma balada, com música animada e mais drinks. Os guias eram ótimos e a turma bem animada, foi uma noite memorável que terminou só depois das 4 da manhã. Recomendo muito!!!!

passeio-barco-ny-estatua-da-liberdade Ir para NY e não ver a estátua da Liberdade não dá, né? E para vê-la, nada melhor que pegar um tour de barco. Como comprei o NY City Pass (ainda vou falar sobre isso), escolhi um passeio da Circle Line 42 que faz a parte sul de Manhattan, passando pela estátua, centro financeiro e Brooklin Bridge. O passeio durou quase duas horas e dá para tirar muitas fotos da estátua e dos outros pontos. Durante o passeio, um guia vai mostrando os principais pontos e falando um pouco sobre cada um (em inglês). O barco tem uma parte aberta e outra fechada, mas como queria tirar boas fotos fiquei na aberta metade do passeio. Na outra corri para dentro pois estava tanto frio que iPhone e máquina fotográfica pararam de funcionar (juro!). Passeio legal, mas acho que em outra oportunidade vou preferir pegar a balsa de Staten Island, que é gratuita e passa do lado da estátua também.

Além dos tours no MET (que já falei no post sobre museus em NY), o Central Park também oferece alguns tour gratuitos. Como minha viagem foi super corrida, não consegui fazer, mas deve ser bem bacana também!

Para terminar, dica de outro tour que não consegui fazer, mas amaria: Garment District, o bairro da moda de NY! Eles tem algumas datas de graça (nenhuma enquanto estava lá) e você também pode agendar um tour privativo pago. Vi que agora eles também oferecem um tour para baixar de graça no celular, pena que não tinha quando fui!

Para ver todos os posts sobre NY, é só clicar aqui.

Ingressos para atrações turísticas e museus com desconto e sem fila! Quer ingressos para as principais atrações turísticas e museus com desconto e ainda pulando a fila? É só clicar aqui ou no banner acima! Comprando através do Trend Tips, você tem vantagens e ainda me ajuda a continuar viajando e trazendo dicas incríveis para vocês! ;)

Trip Tips: Museus em NY!

Ainda sobre NY, hoje é dia de falar sobre o passeio que mais amo fazer, não importa a viagem: visitar museus! #Nerd rs Como foi minha primeira vez na Big Apple, optei por visitar os museus mais “clássicos”, mas a cidade tem todo o tipo de museu e exposição, basta dar uma procurada antes de embarcar! ;)

Met-ny O Metropolitan Museum of Art (Met) se tornou um dos meus museus preferidos da vida! Sério, queria morar lá! rs O museu é todo dividido por “temas” então fica mais fácil você selecionar o que quer ver. Pirei na parte egípcia, com várias múmias e muitas joias daquela época!!! Também adorei a parte de arte européia, com Monet, Van Gogh, Rodin e muito mais. O legal é quem cada área, a “decoração” segue o mesmo tema. Amei tanto o museu que não sei nem como descrever direito para vocês, tem que visitar mesmo! ;) O Met ainda oferece de graça diversos tours, peguei o “Fashion in Art”, onde uma guia fofa de tudo foi nos contando um pouco sobre a moda através das obras do museu. Ameiiiii!!!! Em alguns meses do ano, o Met também abriga exposições sobre moda, mas quando fui esta área estava fechada… =( Fiquei triste de ter reservado só meio dia para visitar o museu, dá para passar o dia inteiro lá facilmente! Ah, não se esqueçam de comer um hot dog sentada nas escadarias da Blair, de Gossip Girl! rs

Museu-ny O American Museum of Natural History (Museu de História Natural), onde foi filmado “Uma Noite no Museu), foi uma grande decepção pra mim! Sou alucinada por dinossauros, então estava super ansiosa para ir lá ver o T-Rex! rs A parte dos fósseis é realmente muito legal, mas é bem pequena (em Toronto tem um museu muito mais completo, depois vou fazer post sobre ele). A parte dedicada aos índios americanos é interessante por conta das vestimentas e vale a pena ir até o Rappa Nui tirar uma foto. Já o resto do museu não me empolgou em nada: a grande maioria são animais embalsamados/empalhados, em cenários às vezes realistas demais. Por exemplo: o urso polar aparece comendo uma foca, com direito a sangue e tudo mais. Sério, qual a necessidade?

Moma-NY Não curto muito arte moderna, então minha visita ao MoMA foi bem rápida (pouco mais de uma hora). Andei por todos os andares, parei para ver o que mais me interessava: Monet, que apesar de não ser arte moderna tem dois painéis incríveis expostos por lá, Andy Warhol, que eu adoro, e algumas outras coisinhas interessantes. Mesmo quem não curte Arte Moderna como eu, acho que visitar o MoMA é meio que obrigatório. Quem curte, pode também visitar o Guggenheim Museum.

Fit-ny E como não poderia faltar, visitei também o museu do FIT, que sempre tem exposições incríveis sobre moda. Quando fui tinha três exposições em cartaz: Elegance in an Age of Crisis: Fashions of the 1930s, Trend-ology e Beyond Rebellion: Fashioning the Biker Jacket. Todas incríveis e com peças maravilhosas!  É mágico ver tantas peças incríveis bem de pertinho, então se você curte moda, não importa qual é a exposição, uma passada pelo FIT é obrigatória! Ah, a entrada é gratuita e dá para ver o museu todo em torno de 2 horas!

Algumas informações importantes: alguns museus em NY tem “entrada sugerida” que é o preço que eles sugerem para você pagar, mas você pode pagar menos se quiser. Outros museus tem dias que são de graça e a maioria fica aberto em horários estendidos pelo menos um dia na semana. Ah, alguns também oferecem aplicativos para celular com visitas guiadas, vale a pena baixar. A dica é entrar no site de cada museu e pegar todas as informações antes para planejar bem sua visita!

Para ver todos os posts sobre NY, é só clicar aqui.

Ingressos para atrações turísticas e museus com desconto e sem fila! Quer ingressos para as principais atrações turísticas e museus com desconto e ainda pulando a fila? É só clicar aqui ou no banner acima! Comprando através do Trend Tips, você tem vantagens e ainda me ajuda a continuar viajando e trazendo dicas incríveis para vocês! ;)

Trip Tips: Aladdin, o musical!

Eu sei, eu sei, estou super atrasada com os posts de NY, ainda tenho muito o que mostrar para vocês… Um dia eu chego lá! rs

Logo que fechei a data da minha viagem, fui correndo pesquisar quais os musicais que estariam em cartaz. Amo Disney e fiquei um pouco frustrada ao ver que Aladdin, The Musical iria estrear somente no dia que eu iria embora, mas, dei MUITA sorte e consegui comprar ingressos para a pré-estreia. Comprei pelo site da Ticketmaster americana mesmo, paguei com cartão de crédito e meia hora antes do espetáculo, retirei os ingressos na bilheteria. Simples assim! ;) No vídeo sobre a Times Square, falei da TKTS, que vende ingressos mais baratos para a Broadway, mas se você quiser ver algum espetáculo específico, o melhor mesmo é comprar aqui do Brasil para não correr o risco de ficar sem!

Agora sobre o Aladdin em si: não poderia ter escolhido espetáculo melhor. A história é linda e James Monroe Iglehart, que faz o papel do Gênio, é genial (sorry o péssimo trocadilho! rs). Ele realmente é a grande estrela do espetáculo, com ótimas piadas e momentos memoráveis. Todas as “mágicas” feitas por ele durante a animação foram muito bem adaptadas para o palco, é incrível! Inclusive, ele ganhou o Tony Awards (o Oscar dos musicais) de Melhor ator coadjuvante. O figurino é de chorar de tão lindo! Só para vocês terem uma ideia do luxo, foram usados milhares de cristais Swarovski nas roupas, exceto na do Aladdin, que né, é “pobrinho”! rs

Uma coisa que senti falta foram dos animais: Abu, o macaquinho amigo do Aladdin, foi substituído por 3 amigos humanos, o que é uma pena, assim como Rajah (o tigre de Jasmine) também foi substituído por três amigas. Iago, o papagaio de Jafar também foi transformado em humano, mas pelo menos ele continua com uma boa participação no enredo. Mas né, se O Rei Leão teve todos os personagens adaptados, por que não adaptaram o Abu também? =/

Em compensacão, temos o tapete voador que realmente voa. Gente, é mágico!!! Ele voa, voa muito e parece real!!!! Uma pena que não de para filmar, queria muito mostrar um pouco para vocês!

Ah, o espetáculo é todo em inglês (obviamente), mas acredito que mesmo quem não fale muito bem, mas conheça a história do filme, consiga acompanhar e entender as piadas. Saí do teatro aos prantos (sim, sou manteiga derretida) e querendo muito mais. Se não tivesse ido no último dia, certeza que teria tentado assistir outro dia de novo! rs Vale muito a pena!

Para ver todos os posts sobre NY, é só clicar aqui.

Ingressos para atrações turísticas e museus com desconto e sem fila! Quer ingressos para as principais atrações turísticas e museus com desconto e ainda pulando a fila? É só clicar aqui ou no banner acima! Comprando através do Trend Tips, você tem vantagens e ainda me ajuda a continuar viajando e trazendo dicas incríveis para vocês! ;)

Look(s) da Luli: Inverno!

Trend Winter: dicas para enfrentar invernos rigorosos com muito estilo!

Odeio frio. Muito. Tanto que da outra vez que fui para Toronto no inverno (e peguei -40) jurei que nunca mais viajaria no inverno, a não ser para estação de esqui, onde a neve tem um propósito! rs Quando planejei minha viagem para NY, me programei para ir em março justamente por esperar pegar temperaturas mais amenas, afinal a média para este mês é algo em torno de 5/8 positivos. Sabia que em Toronto seria bem mais frio, mas como já estou “acostumada” a passar frio lá e nem pretendia passear muito, nem me importei.

como-variar-look-no-inverno Só que, chegando em NY a temperatura estava bem mais baixa do que esperado: em torno de -5 com sensação de -8. Para piorar, por já ser primavera, as lojas não tinham mais roupas de inverno (lembram que falei que achei pouca coisa na Uniqlo?), só as coleções novas cheia de peças fresquinhas e florais. Nada de achar casaco para comprar ou botas quentinhas… E aí o que nos resta é se virar nos 30 e rever alguns conceitos. Explico: odeio usar bota por cima da calça e odeio botas estilo UGG. Só que com o frio, não só usei bota por cima da calça como ainda comprei uma UGG genérica e saí feliz da vida com ela para passear! Turista tem dessas, né? rs

looks-viagem Queria ter tirado (e postado) meus looks, mas o frio não me permitia ficar muito tempo na rua nem variar a roupa, afinal o casaco foi o mesmo (pelo menos até conseguir comprar outro no outlet)! rs Assim, achei que poderia fazer um compilado de looks da viagem, para mostrar para vocês como eu tentei variar e deixar o visual menos sem graça, mesmo com pouquíssimas opções na mala. Por que, né, se eu morasse lá certeza que teria vários casacos lindos para variar durante todo o inverno! ;)

Look-inverno-ny Como sabia que faria compras lá, levei uma mala BEM enxuta e torci para fazer bons achados. Até que deu certo: como mostrei nos vídeos de compras no Jersey Gardens, comprei um casaco lindo, dois óculos escuros, touquinha pink, luvas de oncinha, a calça térmica da Uniqlo, UGG genérica e um coturno florido lindo que fiquei triste de só ter comprado no último dia da viagem, já em Toronto. Certeza que ele deixaria meus looks bem mais interessantes!

mala-para-inverno Aqui vale a dica sempre válida em viagens: invista nos acessórios! No entanto, esqueça colares, anéis, pulseiras e brincos, que só enroscam na montanha de roupas que você está usando. Lenços, toucas, luvas e chapéus costumam ser baratos e fáceis de encontrar. Óculos escuros também são uma excelente “arma” para sair com cara diferente nas fotos da viagem!

Look-inverno Acho desnecessário falar, mas vestir-se em camadas é essencial. Primeiro, por que esquenta e segundo porque dentro dos lugares (lojas, museus etc) é quente, então você tira o casaco e é bom estar com uma roupinha bonitinha por baixo. E é justamente nas blusas debaixo do casaco que você consegue variar um pouco. Uma boa dica é usar as sobreposições a seu favor: Por exemplo, usar camisa por baixo da malha, com a gola e a barra aparecendo.

Acessorios-inverno-rigoroso Outro truque bom é usar batons fortes (vermelho, pink, vinho etc), que salvam muitos looks (e fotos)! Vale sempre carregar um na bolsa (confesso que esqueci no hotel alguns dias e fez muita falta)!

looks-para-viajar-no-inverno Também vale apostar nas cores! Poderia muito bem ter levado meu tênis preto, mas preferi o vermelho justamente por ele dar uma alegrada nos looks invernais. Claro que o preto acaba predominando, mas podemos tentar variar nas outras peças (sapatos, calças, malhas, acessórios etc).

Importante ressaltar que apesar do frio, não peguei neve (só um pouco em Toronto), assim não precisei usar botas específicas para não molhar e não se desfazer por conta do sal jogado para derreter a neve…

Definitivamente não são os looks mais incríveis, mas até que eu acho que consegui me virar bem… O que vocês acharam?

Para ver todos os posts sobre NY, é só clicar aqui.

Ingressos para atrações turísticas e museus com desconto e sem fila! Quer ingressos para as principais atrações turísticas e museus com desconto e ainda pulando a fila? É só clicar aqui ou no banner acima! Comprando através do Trend Tips, você tem vantagens e ainda me ajuda a continuar viajando e trazendo dicas incríveis para vocês! ;)