Enoturismo em Portugal: Herdade do Esporão!

Hoje é dia de fazer Enoturismo em Portugal! Já faz algum tempo que o mundo descobriu que vinho em Portugal significa muito mais que vinho do Porto, então essa é uma área que tem crescido cada vez mais por aqui. Vinícolas grandes e produtores locais abrem suas portas para receber os visitantes e mostrar um pouco mais do processo de produção de vinhos.

Enoturismo em Portugal

Hoje vamos viajar até o Alentejo, mais precisamente Reguengos de Monsaraz, para visitar a Herdade do Esporão, vinícola enorme e super prestigidada.

 

Herdade do Esporão  – Alentejo, Portugal

O passeio pela Herdade do Esporão pode ser feito de várias maneiras: charrete, bike ou van. No verão, aconselho a van, pois o calor do Alentejo pode chegar aos 40 graus, então melhor contar com ar condicionado! rs

Enoturismo em Portugal

De van e charrete, o passeio é acompanhado por uma guia local que vai te explicando tudo sobre as vinhas, quais castas são produzidas, como é o processo de produção… Tudo com paradas estratégicas para você poder tirar fotos e, claro, provar as uvas direto do pé! Delícia!

Enoturismo em Portugal

No tour também visitamos o Centro Histórico: a torre que está nos rótulos dos vinhos abriga um pequeno museu com peças que tem mais de 5 mil anos!

Enoturismo em Portugal

O tour termina com uma degustação de vinhos e azeites. A nossa degustação ainda foi acompanhada por petiscos deliciosos!

Como fazer Enoturismo em Portugal

A maneira mais fácil de fazer Enoturismo em Portugal e assim saber mais sobre os vinhos portugueses, é visitar um vinícola. No entanto este processo pode não ser tão simples, já que muitas não abrem aos finais de semana e ainda exigem reserva com antecedência. Assim, o mais fácil mesmo é falar com o Márcio, da One Day Wine Experience: ele conhece muito sobre o assunto e saberá onde te levar!

Enoturismo em Portugal

Os passeios são ideais para quem está hospedado em Lisboa e não quer perder mais que um dia para visitar uma vinícola! Dá para escolher entre vários tours disponíveis, entre Lisboa, Setúbal e Alentejo.

Eu adorei passar o dia na Herdade do Esporão, foi uma delícia passear entre as vinhas e aprender um pouco mais sobre vinhos e azeites! Agora quero participar de uma vindima! ;)

Inscreva-se no canal do Trend Tips no Youtube para ver os vídeos antes! 

A visita foi oferecida pela One Day Wine Experience, mas a minha opinião e experiências são independentes e totalmente pessoais.

Trend Help: Reaproveitar Vestido de Festa!

E o Trend Help volta em grande estilo: como reaproveitar vestido de festa! A Sureia deixou a seguinte pergunta para mim:

Tenho um lindo vestido longo em Seda: a saia é rodada, estampada prata com flores pretas e o busto em tomara que caia em paetês. Só usei uma vez niver 15 anos. Quero tirar o busto e usar a saia dele para outro evento. Com que tipo de blusa poderia usar? 

Sureia, acho ótima a ideia de reaproveitar o vestido de festa para outras ocasiões! Inclusive, se der, peça para a costureira deixar a parte de cima como blusa, assim você ganha duas peças! Quem quiser seguir a ideia, pode ainda: mandar encurtar a barra, tingir em outra cor, acrescentar bordados, tirar / colocar mangas… Vá até sua costureira de confiança e ouça suas ideias! ;)

Como reaproveitar vestido de festa

Voltando à questão da Sureia, o primeiro ponto ao procurar a blusa é a cor que tem que combinar com pelo menos uma cor da saia. Quando for comprar a blusa, leve a saia para garantir que as cores são iguais, se não o resultado pode não ser muito bom.

Como Reaproveitar vestido de Festa

Sobre qual tipo de blusa usar com saia de festa: você pode procurar uma em paetê ou renda, mais justa, para usar por dentro da saia.

Outra opção é usar um top cropeed, super em alta já há algumas temporadas, e que fica lindo também em looks festa mais ousados.

Os bodies, outra tendência que ganha cada dia mais adeptos, também pode ser usado! Aqui, vale a postar em algum modelo de manga longa, em tecido nobre, ou ousar e escolher um com renda e transparências!

Lembre-se que não importa o estilo da blusa, o material deverá ser nobre e de boa qualidade, para dar o “ar de festa”!

Uma última dica: pode finalizar o look com um cinto no mesmo tecido da saia, com um laço atrás ou do lado!

Sureia, espero que tenha gostado das dicas! Depois me manda foto do seu look festa para eu ver como ficou! ;)

Como usar vestido de festa no dia a dia

Gostamos tanto dos nossos vestidos de festa que é uma pena deixá-los trancados no armário, né? Então reuni algumas dicas para colocar seu look festa no dia-a-dia!

Como Reaproveitar vestido de Festa

O principal truque é combinar com peças totalmente informais, para quebrar a seriedade da peça!

Jaquetas jeans e de couro são ótimas companheiras! Outra opção é fazer sobreposição com peças mais informais com ot-shirts, camisa jeans ou até uma camisa social mesmo.

Nos pés, aposte em tênis tipo all star ou sandálias de salto grosso ou anabela. Pode finalizar o look com cinto grosso, bem informal e bolsas grandes, de couro!

Gostaram das dicas? Já tiveram a chance de reaproveitar vestido de festa? Mais inspirações no meu Pinterest!

 

Quem tiver alguma dúvida de moda, é só mandar para mim por e-mail (contato@trendtips.com.br) com o título “Trend Help” ou deixar aqui nos comentários! Vale tudo: como usar determinada peça, o que usar em alguma ocasião especial… Mas sempre com uma dúvida “genérica”, para ajudar as outras leitoras também! A ideia é que esse espaço sirva para trocarmos dicas e ideias, como um papo de amiga mesmo! Vou ficar esperando mais dúvidas de vocês! =)

Parc de la Ciutadella – o parque queridinho de Barcelona!

Bora passear pelo Parc de La Ciutadella, parque mais famosos de Barcelona?

Parc de Parc de La Ciutadella – Barcelona

O parque mais famoso e mais queridinho de Barcelona tem uma história longa e conturbada: construído pelo rei Felipe V, por 150 anos atuou uma fortaleza para controlar os cidadãos. Depois da guerra foi devolvido à cidade e no final do século XIX ainda abrigou a Exposição Universal de 1888.

Parc de La Ciutadella, Barcelona

 

O que ver no Parc de Ciutadella

Atualmente, além dos diversos jardins, que os barcelonetas usam e abusam, o Parc de La Ciutadella tem várias atrações. O Zoológico da cidade fica por lá, assim como o Parlamento de Barcelona.

Parc de La Ciutadella, Barcelona

Passeando pelo local, ainda dá para ver um belo lago com uma cascata, construído para a Expo. Dizem que Gaudí, ainda muito novo, trabalhou em alguns elementos ornamentais da cascata, como as pedras e peças em ferro.

Parc de La Ciutadella, Barcelona

O Castell dels Tres Dragons marca o começo do movimento modernista em Barcelona – foi construído pelo arquiteto Domènech i Montaner e durante a expo de 1888, foi o restaurante.

Parc de La Ciutadella, Barcelona

Arc de Triomf – Barcelona

Parc de La Ciutadella, Barcelona

Do lado de fora de parque, fica também outro monumento bem famoso de Barcelona: Arc de Triomf! Também construído para a Exposição de 1888, funcionava como a porta de entrada do evento e virou um grande símbolo da cidade até os dias de hoje!

Parc de La Ciutadella, Barcelona

Como viram, o Parc de La Ciutadella é cheio de coisas bacanas para ver e fazer. No dia que fui, estava frio, mas um sol bem forte e os barcelonetas estavam em peso no parque: jogados na grama, correndo, andando de bike… Vale a pena reservar pelo menos uma tarde para passear por lá ou só se jogar na grama como um morador mesmo. Fiquei com vontade de voltar para fazer um picnic por lá! ;)

Acompanhe as minhas viagens pelo instagram: @TrendTips!

Review: Base Infallible Total Cover da L’Oréal!

Tenho uma nova make up queridinha: base Infallible Total Cover da L’oréal! Confesso que a comprei no impulso, durante minha viagem à Barcelona, mas olha, que impulso certo eu tive! rs Desde então não uso nenhuma outra base!

Segundo a L’oréal, a Infallible Total Cover “cobre qualquer imperfeição: pontos negros, vermelhidões, cicatrizes e despigmentações. 24 horas de total cobertura com uma sensação confortável, leve e resultado natural”. Parece milagre, né? Mas digo que é verdade!

Base Infallible Total Cover da L'Oréal!

 

Começando pela cobertura: ela realmente cobre tudo, até olheiras fortes! A cobertura é tão boa que eu, mesmo com minhas super olheiras, nem tenho usado mais corretivo, só a base basta! O que é ótimo, pois é mais prático e faz com que a make up dure mais, sem craquelar!

A sensação desta base na pele é realmente muito leve; apesar da cobertura alta, eu nem sinto que estou usando base! A aplicação também é bem fácil: costumo usar o blender e ela espalha bem, cobrindo tuuuudo pelo caminho!

Quanto à duração, nunca fiquei 24h com ela e nem acho que dure tudo isso… Já fiquei umas 12h e no fim do dia a cobertura tinha diminuído um pouco, mas longe de ter saído totalmente. Ela tem o acabamento mate e a pele ficou realmente sem brilho durante todo o dia!

Agora querem saber a melhor parte? Essa maravilha tem um preço bem acessível: por volta de €10 só!

Base Infallible Total Cover da L'Oréal!

 

Só tem duas coisas que eu mudaria nessa base: adoro a base Infallible Total Cover e pretendo continuar usando por muito tempo, mas tem duas cosias que eu mudaria nela. A primeira é a embalagem: como é de apertar, é ruim para tirar e dosear o produto, às vezes acaba saindo demais e desperdiçando.

A segunda é o fato desta base não ter protetor solar, seria muuuuito mais prático se tivesse! Sou preguiçosa e prefiro produtos com várias funções, para eliminar alguns passos e ser mais prático… Enquanto a Infallible Total Cover não ganha uma versão com protetor solar, vou usando o Bioderma Hydrabio Eau de Soin, que também ajuda a fixar a make up! ;)

A base Infallible Total Cover está disponível por toda Europa e EUA e custa por volta de 10 euros. Não tenho informações sobre a chegada dela no Brasil… Torçam para chegar logo, essa base é incrível!!!

Sant Pau: uma obra impressionante do modernismo!

Nesta minha segunda vez de “turismo em Barcelona”, era obrigatório para mim ir ao Recinto Modernista de Sant Pau. O local é um antigo hospital, com vários pavilhões, todos construídos no estilo modernista!

 

Recinto Modernista Sant Pau

Assim, como a Torre Bellesguard, este local também tem suas raízes na era medieval: o primeiro hospital do local data de 1401!

Recinto Modernista de Sant Pau

No final do século XIX, com o crescimento da cidade de Barcelona, foi necessário criar um espaço maior para cuidar da saúde da população. Aí entra o arquiteto modernista Lluís Domènech i Montaner que foi responsável pela construção do espaço, entre 1902 e 1930.

Recinto Modernista de Sant Pau

São diversos pavilhões que originalmente tinham usos diferentes: enfermarias, salas de cirurgias, medicamentos etc. Hoje pode-se visitar apenas alguns na parte de dentro.

Recinto Modernista de Sant Pau

A maioria dos pavilhões são super parecidos: mudam apenas algumas cores dos mosaicos e outros pequenos detalhes. Mas isso não faz com que o local perca a graça, muito pelo contrário: é lindo ver tantos prédios modernistas juntos, combinando uns com os outros!

Recinto Modernista de Sant Pau

A área aberta entre os pavilhões é super bonita, cheias de plantas e árvores, que rendem belas fotos!

Recinto Modernista de Sant Pau

O prédio principal, bem na entrada, era onde funcionava a administração. Aqui, o modernismo “grita” em todos os detalhes: mosaicos e mais mosaicos, vitrais, e até uma janela com uma bela vista para a Sagrada Família!

Como é normal em construções art noveau, dá para passar horas observando e fotografando cada detalhe…

Recinto Modernista de Sant Pau

Olhem estes vitrais: como não amar??

Recinto Modernista de Sant Pau

Recinto Modernista de Sant Pau

Sant Pau – Como Visitar

Recinto Modernista de Sant Pau

Chegar ao Hospital Sant Pau é super fácil: basta descer na estação Sant Pau / Dos de Maig, na linha L5 do metrô.

Recinto Modernista de Sant Pau

Fui por conta própria num dia em que a entrada era gratuita, mas dá para comprar os bilhetes no site (€13) ou, se preferir, agendar uma visita guiada.

Recinto Modernista de Sant Pau

Como o local é aberto, recomendo a visita ao Recinto Modernista de Sant Pau num dia de sol (ou sem chuva, pelo menos), assim dá para aproveitar bem e tirar fotos lindas!

Acompanhe as minhas viagens pelo instagram: @TrendTips!