Visitando a Monalisa no Museu do Louvre!

Jamais deixaria de ir ao Museu do Louvre numa visita à Paris! O local por si só já vale pela história: baseado em fortificações medievais, o palácio serviu como casa da realeza até Luís XIV decidir mudar a corte para o Palácio de Versalhes. Enquanto isso, o palácio do Louvre continuou sendo usado para abrigar a coleção de arte da monarquia, até ser aberto ao público como museu em 1793.

Um dos maiores museus do mundo, e o mais visitado do mundo todo, o Louvre está sempre lotado de turistas sedentos por ver a Monalisa!

Como visitar o Museu do Louvre

A primeira dica é: compre os bilhetes antes para evitar filas gigantescas. Depois, pesquise antes quais obras você quer ver e monte um roteiro olhando no mapa.

Museu do Louvre em Paris

Um dos tetos incríveis do Louvre!

O ideal é reservar pelo menos meio dia para visitar o Museu do Louvre, já que ele é enorme e não muito fácil de andar dentro. Por isso é tão importante planejar sua visita com antecedência e se possível, montar o roteiro do Louvre! Mesmo sendo minha segunda visita ao Louvre, me perdi várias vezes e demorei muito para achar a saída, quase perdi o vôo! Rs

Museu do Louvre em Paris

Ah, fique atento também aos dias de entrada gratuita ou dias em que o museu fica aberto até mais tarde. Confirme sempre todas as informações no site do museu!

Museu do Louvre – Monalisa

A obra prima de Leonardo da Vinci é bem fácil de achar: basta seguir a multidão! Rs Placas estão espalhadas por todo o museu, indicando a sala onde está La Gioconda. Não se empolgue muito: a Monalisa é um quadro bem pequeno e está sempre LOTADO de gente em volta. É um aperto para conseguir chegar “perto” dela, e o perto é cerca de 5 metros de distância, pois o quadro tem sempre uma corda de proteção. Óbvio que ver a Monalisa é obrigatório, mas é triste não conseguir admirar a obra com calma e paz…

Monalisa no Museu do Louvre em Paris

A cara do desespero no meio do aperto pra ver a Monalisa! 😬 😂

Museu do Louvre – Vênus de Milo

A vênus de Milo deve ser a  segunda obra mais concorrida do museu do Louvre. A estátua da Grécia Antiga também atrai multidões e está sempre lotada. No entanto, como é possível admirá-la em 360º, a observação dela fica um pouco mais fácil e menos penosa do que da Monalisa.

Vênus de Milo no Museu do Louvre em Paris

Vênus de Milo e os milhões de turistas japa em volta…

Apartamentos de Napoleão

Talvez uma das áreas menos conhecidas do Louvre, os Apartamentos de Napoleão III merecem uma visita! O local está todo preservado com a decoração da época, tudo muito luxuoso e imponente.

Apartamentos de Napoleão no Museu do Louvre em Paris

Dá para se sentir transportado para o século XIX! E justamente por não ser muito conhecido, o espaço fica relativamente vazio, o que deixa a visita ainda mais gostosa. Adoro passar por ali, me sinto uma verdadeira rainha! Rs

Apartamentos de Napoleão no Museu do Louvre em Paris

Museu do Louvre – Egito

Esta área não consegui visitar desta vez, mas ela é imperdível: uma das maiores coleções da cultura egípcia fora do Egito! Múmias, sarcófagos e tudo o que faz daquela cultura tão rica estão por lá. Da outra vez, lembro que fiquei umas boas horas nessa área do museu…

Nice de Samotrácia no Museu do Louvre em Paris

Como vocês viram, tem muito o que ver no Museu do Louvre! Então antes de ir, planeje sua visita com antecedência para conseguir ver tudo que te interessa!

Você já foi ao Louvre? O que mais gostou?

Acompanhe as minhas viagens pelo instagram: @TrendTips!

Fui ao Museu d’Orsay com apoio do Paris Turist Office, mas minha opinião e experiências são independentes e totalmente pessoais. Em Paris, fiquei hospedada no Hotel Le Pavillon.

Deixe seu comentário