Trip Tips: Pipa – RN!

Quem me acompanha pelo Instagram, viu que em junho tirei umas mini-férias com mamys. Passamos uma semana em Pipa, e confesso que decidi o destino baseada em uma única ideia: ver golfinhos! Rs E assim decidi meu primeiro passeio por lá!

Passeio-de-balsa-lagoa-dos-guarairas-pipa

Logo cedo, a van passou para nos pegar no hotel para passear pela lagoa das Guaraíras a bordo da “escuna” Solemio. Coloco escuna entre aspas porque no flyer (e no site) do passeio da foto era de uma escuna, mas na verdade o passeio é feito em uma balsa! O passeio dura o dia todo e é delicioso: música animada, tripulação super simpática, parada nos bancos de areia com direito a espetinhos e bebidas servidos no mar! Tudo já incluso no preço (R$ 135 por pessoa)! #gordinhasafada que sou, adorei né! rs Em uma das paradas, ainda dá para comer ostras frequinhas, uma delícia (pagas à parte)!

por-do-sol-lagoa-das-Guaraíras-pipa

No final do dia, vimos o pôr-do-sol (lindo!!!) de dentro da lagoa, onde os golfinhos costumam nadar. Não dei muita sorte, já que  apareceram só dois, quando já estava bem escuro… Mesmo assim, foi lindo vê-los!!! <3

Praia-do-madeiro-pipa

Como não dei sorte no dia anterior, passei o dia seguinte inteirinho na Praia do Madeiro, onde os golfinhos são visitas constantes! Lá ficamos na Barraca do Jegue, que tem guarda sol e cadeiras para quem consumir por lá. Vale dizer que a comida estava bem gostosa! Só depois que descobri que ficando mais para a direita, dá para ver melhor os golfinhos (eles preferem águas bem calminhas!). No outro dia que fui para lá, enquanto estava nadando no raso, um golfinho passou há menos de 4 metros de mim, chorei de emoção, juro! <3 <3 <3 Só que é praticamente impossível fotografá-los, uma pena… Nessa praia ainda é possível praticar vários esportes: caiaque, stand up paddle, surfe… Tem tudo para alugar lá! Eu preferi ficar deitada observando os golfinhos mesmo, de esporte já me bastou a escada de acesso à praia com mais de 150 degraus (atentem para minha cara de animada para subir tudo)! rs

Passeio-de-buggy-pipa-natal-rn

No terceiro dia, fizemos o passeio que eu menos gostei: de buggy (em torno de R$ 500 o buggy para até 4 pessoas – bem apertadas! Rs), fomos pela orla até Genipabu (perto de Natal). Todos os lugares que passamos eram lindos, mas é muito cruel andar de buggy, conforto zero… O buggy só é legal nas dunas mesmo, fora delas é um terror. Quem for arriscar o passeio, fica a dica: vá de roupa bem larguinha e muito protetor solar. O carro é aberto e não rola ficar de biquíni, já que a areia bate na pele e dói muito! Fui de shorts jeans e tive que comprar uma saída de praia no Maior Cajueiro do Mundo (que é impressionante, mas não precisa passar mais que 10 minutos por lá!)… rs Aceitem meu conselho: peguem o city tour com algum taxista de Pipa mesmo, que ele vai parando em todos os lugares que você quiser e deixem para pegar o buggy só nas dunas, em algum passeio de 1 hora… Certeza que vai ser bem melhor e menos cansativo!

Passeio-de-jardineira-pipa-rn

No dia seguinte, fizemos o passeio de Jardineira (R$ 95 por pessoa, almoço não incluso) o meu preferido de toda a viagem (e olha que nem vi golfinhos nesse dia! #obcecada rs)! Ao contrário do buggy, fomos em direção ao sul, começando pelo Chapadão e passando por várias praias, uma mais incrível que a outra. O passeio é super completo: pegamos uma balsa para atravessar um riozinho, depois ainda tem uma jangada para ir para uma praia super deserta, parada para almoço e no final do dia, esquibunda/sandboard (no próximo post tem vídeo do rola que tomei! Rs)!

Sandboard-pipa-rn

Depois de ficar a milanesa, ainda fomos para um barzinho na lagoa das Guaraíras para tomar uma cerveja ducha e ver mais um pôr-do-sol incrível! O guia Eduardo é um carioca super gente boa, a turma que estava no passeio também era incrível, tudo perfeito! Recomendo muito o passeio!

Ufa, o post ficou enorme… Ainda tem mais, mas deixo para outro post, que ainda vai ter um vídeo com os “melhores momentos” da viagem! ;)

PS: É só clicar nas fotos que elas aumentam!

 

Deixe seu comentário