Daily Archives: 14 de novembro de 2014

Trip Tips: Toronto!

Para finalizar os posts da minha viagem para NY (mais de 6 meses depois! rs), quero dar algumas dicas de Toronto! Como tenho família na cidade, esta foi a terceira vez que fui para lá. Como já conheço tudo relativamente bem, fiquei só três dias, mais para ver familiares e amigos mesmo, e não tanto para turistar. De qualquer maneira, gravei algumas coisas e tenho algumas dicas interessantes!

Toronto é uma cidade linda e o que mais me encanta nela são as pessoas. Todo mundo lá é MUITO simpático, as pessoas se cumprimentam na rua, é incrível! A única coisa que realmente me incomoda lá é o frio: quando fui no inverno, cheguei a pegar sensação térmica de -40 graus!!! Desta vez, na primavera, peguei “só” -17! rs Mas turista supera tudo, né? rs

Para começar, o ícone da cidade: CN Tower e seu famoso chão de vidro. Já subi várias vezes lá e nunca me canso, é lindo!!! Do lado, tem o Rogers Centre (estádio) e recentemente foi aberto o Ripleys Aquarium que falam que é lindo (queria ter ido, mas fiquei assistindo ao pôr do sol na CN Tower e perdi o horário! rs).

Toronto tem ótimos museus (ótima opção para os dias mais congelantes! rs). O que eu mais gosto, é o Bata Shoe Museum (onde gravei o outro vídeo), que conta a história dos sapatos. O Royal Ontario Museum, que mostro um pouco no vídeo acima, também é incrível (amo a seção dos dinossauros) e vi que agora tem uma área dedicada à moda (que estava fechada quando fui, hunf!). O Ontario Science Centre fica um pouco afastado do centro e vale passar o dia todo por lá. Não fui desta última vez, mas pelo que lembro o local é super interativo, vale a pena! Vale mencionar a Casa Loma, um castelo que fica no meio da cidade e rende fotos lindas!

A cidade também é um ótimo local para comprar, tem todas as lojas que amamos (Forever 21, H&M, Urban Outfitters  etc). Vale ir até o Eaton Centre, maior shopping da cidade que tem essas e outras lojas legais. Inclusive, bem em frente ao shopping tem um Hard Rock e outras lojas interessantes!

Nesta última visita, descobri três lugares incríveis para compras. A Winners é uma loja de departamentos outlet que vende grandes marcas com ótimos descontos. Dá para fazer ótimos achados! Meu amigo me levou na Queen Street, rua que reúne diversas lojas moderninhas e cheias de coisas diferentes e interessantes. Foi aí que fiz a melhor descoberta da viagem: Ardene. Ardene é uma loja de roupas e acessórios com preços ridiculamente baixos: tudo no esquema “3 por U$ 10” ou “2 por U$ 15”. Claro que a qualidade deixa um pouco a desejar, mas dá para fazer bons achados. Meu coturno florido é de lá e custou incríveis 3 dólares. Fiquei triste de só ter descoberto essa loja no último dia de viagem, lá tinha várias botas quentinhas por esse mesmo preço!

Toronto-turismo

Assunto delícia: comida! O prato típico do Canadá é o poutine: batata frita com molho feito à base de carne (acho! rs) e queijo. Parece nojento, mas é uma das coisas mais deliciosas (e calóricas! rs) que já comi na vida. Dá para achar poutine em todo lugar, inclusive em fast foods. Não deixe de experimentar! Falando em fast food, entrei para me esquentar no Hero e fiquei passada com a quantidade de refrigerantes disponíveis! Só de Coca Zero, tinham umas 8 opções (tradicional, de uva, de laranja etc). Confesso que passei uns 10 minutos experimentando vários sabores! rs Ah, o poutine deles também é ótimo!

Meu amigo (Tks por tudo, Ro!!!) me levou para almoçar no The 3 Brewers, uma cervejaria delícia! Comida ótima, cerveja melhor ainda e o lugar uma graça! No dia que fui na CN Tower acabei indo ao Real Sports Bar & Grill (também aparece no vídeo!), bar especializado em esportes com os maiores telões que eu já vi na vida! rs

Essas são só algumas dicas rápidas e aleatórias para ajudar quem pretende passar alguns dias em Toronto. A cidade é incrível e tem muuuito mais para ver! ;)

Ingressos para atrações turísticas e museus com desconto e sem fila! Quer ingressos para as principais atrações turísticas e museus com desconto e ainda pulando a fila? É só clicar aqui ou no banner acima! Comprando através do Trend Tips, você tem vantagens e ainda me ajuda a continuar viajando e trazendo dicas incríveis para vocês! ;)

Testei: Meias Esfoliantes Footner!

Há muito tempo atrás (muito mesmo, deve fazer mais de ano! rs), recebi alguns produtos da Footner, entre eles as Meias Esfoliantes Footner. Como a temperatura está subindo e vamos começar a usar mais sandálias, os pés tem que estar bem tratadas, então resolvi testar esses dias para contar pra vocês!

Meias-esfoliantes-footner Seguindo as instruções da embalagem, limpei os pés (tirei inclusive o esmalte) e com uma tesoura cortei a parte de cima das meias. Tem que tomar cuidado para não derramar o líquido que está dentro! Coloquei as meias Footner nos pés, mas como elas não tem elástico, é necessário colocar um meia normal por cima para mantê-las no lugar. Aí é importante que você fique quietinha durante o uso, para não correr o risco de escorregar e cair (bem a minha cara! rs). As meias tem um gel com um cheiro que lembra álcool, um pouco forte, mas que você só sente na hora de colocar e tirar. Depois de uma hora (tempo recomendado na embalagem), tirei as meias e lavei bem os pés.

[youtube video=qAox5rKQXYc]

Na hora você não vê nenhum resultado, isso é normal. Dois dias depois, meus pés começaram a descascar. No terceiro dia, o horror quando tirei o tênis da academia: eles estavam descascando MUITO e a aparência era horrível, parecia cobra trocando a pele (o vídeo acima mostra bem esse processo)! rs Mas né, isso é esperado! Nesse dia também senti os pés um pouco sensíveis, ainda mais que passei muito tempo de pé e de salto alto durante um evento (nada demais, não chega a ser dor, só um leve incômodo mesmo). Essa descamação forte durou uns 3 dias, depois diminuiu. Apesar do desespero de passar hidratante para melhorar o aspecto, segui as recomendações da marca e não passei nada! Importante também não puxar as peles que vão soltando. O que eu fiz foi cortar com um alicate as partes que estavam soltas, mas sem puxar! Ah, e claro que fiquei sem usar sandálias nesse período… rs Uns 5/6 dias depois de usar as meias, a parte de cima dos pés também deu uma descascada de leve, nada que me incomodasse. Nas instruções, é recomendado que passe hidratante no peito do pé antes de colocar as meias para evitar isso, eu passei e mesmo assim ele descascou… Segundo a marca, esse processo de descamação pode durar até duas semanas. Comigo durou exatamente esse tempo. No fim desse período, realmente senti a pele dos pés mais fina e delicada. A marca recomenda que as meias sejam usadas a cada 2/3 meses para manter a pele dos pés sempre delicada.

Considerações finais: gostei muito do resultado, apesar de ter ficado um pouco assustada quando meus pés começaram a descascar. Usaria novamente as meias caso meus pés ficassem muito “duros”. Como isso não costuma acontecer, vou continuar usando esfoliantes convencionais, já que achei a esfoliação das meias um pouco agressivas demais para o meu caso. Se você tem a pele dos pés super ressecada, acho que vale mais a pena! ;)

Ah, também estou usando (e amando) o Footner Creme Reparador, um hidratante excelente para os pés! As meias esfoliantes Footner são vendidas em drogarias por aproximadamente R$ 60 o par. Alguém aí já testou?

Fashion Book: In My Shoes!

Que mulher não conhece a Jimmy Choo? A marca de sapatos, que ganhou destaque no seriado Sex and The City, é um ícone e desejo da maioria das mulheres. Agora que tal saber um pouco mais sobre a criação dessa marca? O livro In My Shoes, confissões de uma designer de sapatos, Tamara Mellon, cofundadora da marca, conta toda sua árdua trajetória para fazer da Jimmy Choo um ícone de luxo. Com muito drama e vilões absurdos, bem típicos do mundinho da moda, Tamara conta em detalhes toda sua trajetória para construir uma das maiores marcas de moda do mundo.

Livro-in-my-shoes-jimmy-choo O livro é muito interessante, mas acho importante não levar absolutamente tudo ao pé da letra. Em muitas passagens, Tamara demonstra crueldade absurda de muitas pessoas ao seu redor (o que eu até acho que possa ser verdade, já que o mundinho da moda é bem podre), mas é aquela coisa: toda história tem três lados: “o meu, o seu, e a verdade”. De qualquer maneira, é um livro excelente para quem trabalha ou pretende trabalhar com moda, já que ele aborda com detalhes a parte de negócios (falando muito sobre ações, vendas de empresas e tudo mais) e deixando bem claro que a moda não é só glamour! É um livro para quem gosta de moda, mas principalmente para quem se interessa pela parte de negócios da moda.

Look(s) da Luli: Inverno!

Trend Winter: dicas para enfrentar invernos rigorosos com muito estilo!

Odeio frio. Muito. Tanto que da outra vez que fui para Toronto no inverno (e peguei -40) jurei que nunca mais viajaria no inverno, a não ser para estação de esqui, onde a neve tem um propósito! rs Quando planejei minha viagem para NY, me programei para ir em março justamente por esperar pegar temperaturas mais amenas, afinal a média para este mês é algo em torno de 5/8 positivos. Sabia que em Toronto seria bem mais frio, mas como já estou “acostumada” a passar frio lá e nem pretendia passear muito, nem me importei.

como-variar-look-no-inverno Só que, chegando em NY a temperatura estava bem mais baixa do que esperado: em torno de -5 com sensação de -8. Para piorar, por já ser primavera, as lojas não tinham mais roupas de inverno (lembram que falei que achei pouca coisa na Uniqlo?), só as coleções novas cheia de peças fresquinhas e florais. Nada de achar casaco para comprar ou botas quentinhas… E aí o que nos resta é se virar nos 30 e rever alguns conceitos. Explico: odeio usar bota por cima da calça e odeio botas estilo UGG. Só que com o frio, não só usei bota por cima da calça como ainda comprei uma UGG genérica e saí feliz da vida com ela para passear! Turista tem dessas, né? rs

looks-viagem Queria ter tirado (e postado) meus looks, mas o frio não me permitia ficar muito tempo na rua nem variar a roupa, afinal o casaco foi o mesmo (pelo menos até conseguir comprar outro no outlet)! rs Assim, achei que poderia fazer um compilado de looks da viagem, para mostrar para vocês como eu tentei variar e deixar o visual menos sem graça, mesmo com pouquíssimas opções na mala. Por que, né, se eu morasse lá certeza que teria vários casacos lindos para variar durante todo o inverno! ;)

Look-inverno-ny Como sabia que faria compras lá, levei uma mala BEM enxuta e torci para fazer bons achados. Até que deu certo: como mostrei nos vídeos de compras no Jersey Gardens, comprei um casaco lindo, dois óculos escuros, touquinha pink, luvas de oncinha, a calça térmica da Uniqlo, UGG genérica e um coturno florido lindo que fiquei triste de só ter comprado no último dia da viagem, já em Toronto. Certeza que ele deixaria meus looks bem mais interessantes!

mala-para-inverno Aqui vale a dica sempre válida em viagens: invista nos acessórios! No entanto, esqueça colares, anéis, pulseiras e brincos, que só enroscam na montanha de roupas que você está usando. Lenços, toucas, luvas e chapéus costumam ser baratos e fáceis de encontrar. Óculos escuros também são uma excelente “arma” para sair com cara diferente nas fotos da viagem!

Look-inverno Acho desnecessário falar, mas vestir-se em camadas é essencial. Primeiro, por que esquenta e segundo porque dentro dos lugares (lojas, museus etc) é quente, então você tira o casaco e é bom estar com uma roupinha bonitinha por baixo. E é justamente nas blusas debaixo do casaco que você consegue variar um pouco. Uma boa dica é usar as sobreposições a seu favor: Por exemplo, usar camisa por baixo da malha, com a gola e a barra aparecendo.

Acessorios-inverno-rigoroso Outro truque bom é usar batons fortes (vermelho, pink, vinho etc), que salvam muitos looks (e fotos)! Vale sempre carregar um na bolsa (confesso que esqueci no hotel alguns dias e fez muita falta)!

looks-para-viajar-no-inverno Também vale apostar nas cores! Poderia muito bem ter levado meu tênis preto, mas preferi o vermelho justamente por ele dar uma alegrada nos looks invernais. Claro que o preto acaba predominando, mas podemos tentar variar nas outras peças (sapatos, calças, malhas, acessórios etc).

Importante ressaltar que apesar do frio, não peguei neve (só um pouco em Toronto), assim não precisei usar botas específicas para não molhar e não se desfazer por conta do sal jogado para derreter a neve…

Definitivamente não são os looks mais incríveis, mas até que eu acho que consegui me virar bem… O que vocês acharam?

Para ver todos os posts sobre NY, é só clicar aqui.

Ingressos para atrações turísticas e museus com desconto e sem fila! Quer ingressos para as principais atrações turísticas e museus com desconto e ainda pulando a fila? É só clicar aqui ou no banner acima! Comprando através do Trend Tips, você tem vantagens e ainda me ajuda a continuar viajando e trazendo dicas incríveis para vocês! ;)

Hangout sobre moda!

Quem me segue nas redes sociais (segue, gente: twitterinstagramfacebookgoogle+), viu que ontem, em pleno domingão, rolou mais um Hangout sobre Moda! Foi super gostoso conversar com algumas leitoras ao vivo e responder algumas perguntas! ;)

Quem não conseguiu acompanhar, dá para ver agora:

[youtube video=SmkRDQ4XXWk]

Aqui o link de todas as bloggers que participaram do encontro:

E para ficar sabendo das datas dos próximos hangouts, é só seguir o Trend Tips por aí: twitterinstagramfacebookgoogle+!